Quando a chuva cair
e teu corpo molhar
e te der vontade de correr
sem a chance de parar,
Te lembras que cada gota desta chuva
representa as lágrimas que derramo por ti
todos os dias do meu prantear.

Quando a brisa suave soprar
e tua face acariciar
e em teu coração acender a lembrança
daquela velha esperança de um dia me encontrar

Estarei sempre por perto
e como em meio a um deserto
estará meu coração
fervendo de paixão
quer na chuva,quer na brisa
segure sempre em minhas mãos!

2 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário,
deixa teu email ou site para eu retribuir!
Xeroooo!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p

Página Anterior Próxima Página Home
 

Copyright © 2012 Petit Poá! Elaborado por Marta Allegretti
Usando Scripts de Mundo Blogger